domingo, 14 de dezembro de 2014

A Senadora Marta Suplicy procurou o relator do PLS 236/2012, Senador Vital do Rego (PMDB/PB), com a intenção de apresentar emendas ao projeto, que trata sobre a reforma do Código Penal. As emendas incluem a apensão dos textos do famigerado PLC 122/2006 e outros temas críticos, como aborto, ideologia de gênero, etc.

O Senador Vital do Rego, em seu voto, já havia rejeitado a tipificação do crime de homofobia, mas o fantasma voltou. O texto inicial que havia sido formulado através de um grupo de juristas e criticado por seu conteúdo, com grande rejeição na Comissão Especial, pelo Senador Pedro Taques (PDT/MT), recebeu um substitutivo que atendia a grande maioria da população brasileira.

Após a substituição elaborada pelo Senador Pedro Taques, o texto foi votado e aprovado. Depois disso, o projeto passou a ser avaliado pela Comissão de Constituição e Justiça, tendo sido a relatoria avocada pelo presidente da CCJ, Vital do Rego.

A votação final do texto ocorrerá na próxima semana. Marta Suplicy pretende usar a oportunidade para restabelecer o debate sobre a criminalização da opinião contra a homossexualidade e outros temas. Por isso, precisamos pressionar o Senado a não ceder as tentativas de retomada das ameaças que o PLC 122/2006 representavam.

No dia da votação um projeto que trata sobre o aborto também será apresentado. O relator da reforma do Código Penal precisa mudar o texto apresentado para que não abra precedentes para a legalização do abroto no país.

Liguem no “Alô Senado” número 0800 61 22 11 (ligação gratuita);

Os e-mails e telefones dos gabinetes dos senadores podem ser encontrados no seguinte link: http://www.senado.gov.br/senadores/

O voto do relator, a proposta da reforma do Código Penal apresentada em 04/12/2014, são encontrados aqui:  http://www.senado.gov.br/atividade/materia/detalhes.asp?p_cod_mate=106404

10 comentários:

  1. ESTE TIPO DE PROJETO REPRESENTA A PERSEGUIÇÃO A NOSSA FÉ CRISTÃ, QUE NESTES ÚLTIMOS ANOS SE INTENSIFICOU NO MUNDO. ANTES A PERSEGUIÇÃO À BÍBLIA ERA VISTA SOMENTE NOS PAÍSES DA JANELA 10/40 (LOCALIZAÇÃO GEOGRÁFICA DOS PAÍSES QUE MAIS PERSEGUEM A FÉ CRISTÃ NO MUNDO). A ÚNICA CONFISSÃO DE FÉ PERSEGUIDA NO BRASIL FOI A NOSSA FÉ EVANGÉLICA.

    OS PIONEIROS DA NOSSA FÉ EVANGÉLICA- PRESBITERIANOS FRANCESES-NESTE PAÍS FORAM BARBARAMENTE ASSASSINADOS E NOSSOS HISTORIADORES, EM GRANDE PARTE, NÃO COLOCAM A VERDADE DESTE FATO NOS LIVROS DE HISTÓRIA.

    “Inicialmente Villegaignon os recebeu de modo cordial, mas logo os acusou de serem traidores e espiões. Formulou um questionário sobre pontos doutrinários e lhes deu doze horas para responderem por escrito. O resultado foi a bela Confissão de Fé da Guanabara ou Confissão Fluminense. O almirante declarou heréticos vários artigos e decidiu pela morte dos reformados. No dia 9 de fevereiro de 1558, Jean du Bourdel, Matthieu Verneil e Pierre Bourdon foram estrangulados e lançados ao mar.” (http://www.mackenzie.com.br/6999.html).

    TEMOS QUE CONTINUAR O LEGADO DE FÉ E OUSADIA ENTREGUES A NÓS POR HOMENS E MULHERES DE FÉ QUE UM DIA UM FORAM PERSEGUIDOS E ATÉ MESMO MORTOS PARA QUE TIVÉSSEMOS O DIREITO DE TER AO MENOS UM EXEMPLAR DAS SAGRADAS ESCRITURAS EM NOSSAS MÃOS.

    ASSIM COMO OROU WYLLIAM TYNDALE (1494-1536), O TRADUTOR DA KING JAMES VERSION, ANTES DE SUA MORTE NA FOGUEIRA, AO SER ACUSADO DE HERESIA POR TRADUZIR AS SAGRADAS ESCRITURAS PARA O INGLÊS: "Senhor, abra os olhos do rei da Inglaterra"; OREMOS ASSIM: "SENHOR, ABRA OS OLHOS DOS NOSSOS LEGISLADORES."

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você pode enfiar a sua fé no seu cu mas não pode enfiar sua fé no cu dos outros! Isso vai contra as próprias leis da bíblia! Em que parte do "ide e pregai o evangelho a toda criatura" vcs entenderam "ide e imponha o evangelho a toda criatura"??? Ninguém vai te transformar num monstro "viado" maligno, ninguém vai tirar seu bebê da sua barriga na marra, mas ninguém num país laico (onde se tem liberdade de religião) deve se submeter, submeter as decisões sobre o próprio corpo à sua fé se tiver uma fé diferente da sua. Ninguém tem o poder de interferir na sua fé, e havendo tantas fés diferentes, vcs tbm não devem ter esse direito... ao invés de incitar o ódio, vcs deveriam ler a bíblia e como nela diz: sem julgar!

      Excluir
    2. Cuidado com seus comentários Tatiana Regina. São ofensivos ! Melhor você respeitar.

      Excluir
    3. Tatiana Regina, é uma ativista gay, e como os outros ativistas, não tem respeito algum por qualquer pessoa que acessa esse site. São sempre violentos, agressivos procurando sempre denegrir a Imagem dos que são contra seus ideais.

      Excluir
    4. Com todo respeito, exijo que não generalize. Não são todos violentos, mal educados e sem respeito algum por qualquer pessoa.

      Ela apenas expôs a verdade... Ninguém obrigará outro alguém a fazer um aborto, nem mesmo "ser homossexual", nem mesmo a professar outra fé que não a que você escolhe livremente (lembrando que estamos em um país laico). Importante respeitar quem quer ser Evangélico, assim como também o é, respeitar àquelas que escolheram ser Católicos, Espíritas, Judeus, Candomblecista, Ateus, etc. Respeito mútuo é o fundamental entre pessoas civilizadas.

      Quanto ao aborto, não é alguém que deva proibir, o Estado não é dono do corpo de ninguém, e por isso, nada deve ditar regras e normas. Por outro lado, se for "pecado", o Ser Supremo (Deus, Jesus, Alá, Orixás, etc.) cobrará da pessoa. Não podemos falar por este Ser Supremo.

      Excluir
  2. Você está certíssima Daiane eles nunca vão nos calar, agora agente ver o quanto eles são mal educados, ignorantes, falta de amor ao próximo, basta ler o comentário dessa pobre mulher Tatiana, defenda sua tese sem agredir ninguém, seja educada! JesusCristo te ama Tatiana!

    ResponderExcluir
  3. Você está certíssima Daiane, esses ativistas imorais, querem nos calar mais eles não vão conseguir! Agora agente ver o quanto eles são mal educados e não tem amor ao próximo! Basta ler o comentário dessa pobre mulher Tatiana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minoria? olha, o gênero feminino não é minoria nesse país não. E vc que não tem cara pra mostrar e diz que se sentiu "agredida", não sabe o que diz. Eu filha de pastor da assembléia de deus, fui aos 14 anos estuprada violentamente, fiz um aborto "caseiro" e orei pra não morrer em casa, pois à época se eu fosse pra um hospital seria presa por uma lei fundamentada na religião, na época era a minha religião também, mas e se não fosse? seria justo? se a maioria no nosso congresso fosse muçulmana vcs achariam justo ter leis para decidir sobre o seus corpos baseadas no alcorão? Diferente de vcs, eu sim tenho argumentos, então por favor, argumentem comigo agora.
      Outra historinha rápida sobre uma colega da mesma igreja: Ela foi estuprada por 5 homens diferentes, além de engravidar contraiu HIV, não pôde decidir pelo seu próprio corpo, quem tinha esse direito eram só os pais, eles negaram o aborto ela não aguentou, ficou catatônica, não fala não reage, virou um vegetal, tem um filho soro positivo e hoje mais de 10 anmos depois é uma doente terminal de HIV.... Só pra vcs saberem à época do estupro coletivo dela ela poderia ter tomado uma profilaxia anti HIV e feito um aborto, ou simplesmente tomado a pílula do dia seguinte, não fosse pela religião dos pais dela, a bíblia não pois a bíblia não diz nada contra isso.

      Excluir
  4. Temos o código penal que dispõe de Leis que se aplicam à aquelas pessoas que tentar cometer crimes contra a vida. Sabemos que existem grupos extremistas que promovem crime não somente contra os homossexuais mas sim, contra nordestinos, negros, etc. e com certeza, são investigados, identificados e punidos nos rigores da lei.
    Ressalvando que a PCL 122/2006 é uma piada, uma afronta é algo imoral que precisa ser derrubada com força para que essa minoria não venham fazer o que bem entender no nosso País. Lembrando, que a Presidenta fara de tudo para tentar passar essas Leis no congresso. Preparem-se !

    ResponderExcluir